Logo
  • Ex-secretário do Gabinete Militar de Roseana é preso pela Polícia Federal

    Carlos Roberto Lima (Coronel Betão), ex-secretário do Gabinete Militar de Roseana, foi preso, na manhã dessa terça-feira (15), em sua residência, no Renascença, numa ação da Polícia Federal.

    O coronel reformado da PMMA é primo do ex-presidente José Sarney e primo de segundo grau da ex-governadora Roseana. O juiz César Artur Cavalcante de Carvalho, da 13ª Vara Federal de Pernambuco, decretou a prisão do Coronel Betão.

    O primo de Sarney é acusado de desvio de recursos públicos, peculato, pagamento de propina relacionado a contratos do Corpo de Bombeiros do Estado do Maranhão e tráfico de influência.

    O envolvimento do Coronel Betão tem origem em uma operação criada ainda no governo de Roseana Sarney para socorrer os atingidos pela estiagem que atingiu o interior do Maranhão em 2013.

    O esquema funcionava da seguinte forma: algumas empresas foram habilitadas para fornecimento de cestas básicas e filtros de polipropileno. Betão seria proprietário de uma dessas empresas. Dois contratos foram feitos com o Corpo de Bombeiros do Maranhão, na época comandado pelo Coronel Vanderley, que foi preso recentemente pela Polícia Federal.

    Esta é a segunda passagem do Coronel Betão pela Polícia Federal. O primo de Sarney já havia sido conduzido coercitivamente à sede da PF, que cumpriu um mandado de busca e apreensão e recolheu dois carros e 50 cheques que se encontravam em poder do oficial reformado.

    Betão foi preso hoje em sua residência, e conduzido para a superintendência da PF, no final da tarde. O primo de Sarney foi transferido para a carceragem do Comando Geral da PM, no Calhau.

    Com informações do blog Marrapá

    1 comentários para “Ex-secretário do Gabinete Militar de Roseana é preso pela Polícia Federal

    1. Antônio José disse:

      Ele não foi Secretário da Casa Militar do Governo Roseana, mas sim do Governo Luiz Rocha ou Cafeteira.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo