Logo
  • Bom Dia Brasil destaca reação de Dino à declaração de general do Exército

    O jornal Bom Dia Brasil, da TV Globo, destacou a reação do governador Flávio Dino condenando a manifestação do general Villas-Boas, que pressionou o Supremo Tribunal Federal horas antes do julgamento do pedido de habeas corpus do ex-presidente Lula.

    “Em nenhuma democracia do Planeta um comandante do Exército se pronuncia nesse tom às vésperas de um julgamento importante da Suprema Corte. Obviamente ultrapassa a missão institucional das Forças Armadas, que não estão acima dos 3 Poderes constitucionais”, disse Dino.

    “No Estado de Direito, cada um tem o seu papel institucional: ao comandante do Exército não cabe interpretar a Constituição nem dizer o que é impunidade. Para isso existem os 3 Poderes, especialmente o Supremo Tribunal Federal”, completou o governador.

    Veja o vídeo da matéria do Bom Dia Brasil

    2 comentários para “Bom Dia Brasil destaca reação de Dino à declaração de general do Exército

    1. Lobo disse:

      Agora vai! O Grande Timoneiro da Republika Demokrática do Maranhão colocou esses milicos em seus devidos lugares. Tenho absoluta certeza de que agora não apenas o general, mas todos os oficiais superiores das Forças Armadas do Brasil vão pensar três ou quatro vezes antes de se pronunciar novamente não apenas sobre este assunto, mas sobre qualquer outro tema. Serão imediatamente enquadrados pelo grande Timoneiro, o Camarada FD.
      Fala sério – quanto constrangimento mais esse sicofanta, esse megalonanico ainda vai nos impingir?
      Pobre Maranhão…

    2. Macabeu disse:

      Para punir politico vagabundo ladrão, politico corruptos do tipo que temos, concordo com o General, até matar seria ótimo. Aqui condena e o vagabundo vai pra casa.
      O Gal. está certíssimo.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo