Logo
  • Sérgio Frota é mal interpretado por jornalista

    Deputado Sérgio Frota

    Deputado Sérgio Frota rebate nota do Jornalista Gilberto Lêda, que distorcia informação sobre declaração do deputado a respeito do apoio do Governo do Estado ao futebol maranhense.
    O blogueiro afirmou que: “Sérgio Frota desmascara ‘apoio’ do governo ao futebol maranhense”. O deputado reagiu à nota com o seguinte esclarecimento.
    NOTA OFICIAL
    O deputado Sergio Frota vem a público esclarecer a postagem ‘Sergio Frota desmascara “apoio” do governo ao futebol maranhense’ publicada no dia 21 de fevereiro de 2017 no blog do jornalista Gilberto Léda.
    Inicialmente o deputado Sergio Frota gostaria de frisar que fez uso da tribuna na manhã do dia 21 de fevereiro com o objetivo de parabenizar o Governo Estadual pela parceria junto aos clubes do estado. Causa estranheza que o jornalista Gilberto Léda, expectador do discurso, não tenha entendido uma fala tão simples e evidente em si mesma. E mesmo que algum deslize intelectual ou desatenção tenham obscurecido o juízo do respeitável jornalista na manhã desta terça, é de conhecimento público o fato de que o deputado Sergio Frota é não apenas um entusiasta da parceria entre Governo do Estado e Federação Maranhense de Futebol (FMF), mas aliado e agente atuante do processo. Portanto, fica mais do que caracterizado que o uso do termo “desmascarar” foi evidentemente equivocado e fruto de conjeturas antagônicas à realidade dos fatos.
    Em relação à suposta diferença entre os valores apresentados pelo governo e os valores expostos no discurso apontada na matéria, o deputado Sergio Frota lamenta a falta de conhecimento do jornalista em relação à linguagem tão simples. E o uso fantasioso dos fatos. O jornalista usou trecho do discurso do deputado Sergio Frota para tentar validar a notícia de que os clubes maranhenses não irão receber os R$ 1.8 milhões em investimentos anunciados pelo governo neste ano. Para isso valeu-se de uma informação retirada da fala do deputado em que ele afirmou: “O governo do estado destinou R$ 1,8 milhão para o futebol maranhense, sendo metade disso, ou seja, R$ 900 mil, para os clubes de futebol”.
    Talvez por não ser da área e tomado por certa pressa, o jornalista desconsidera o fato de que o futebol é feito por clubes, mas não apenas por clubes. Quem organiza e arca com custos logísticos do campeonato é a FMF. Ora, investir em organização não significa investir nos clubes e no futebol? O mesmo pode-se dizer das ações publicitárias, que também estão previstas no programa.
    Ao garantir exposição midiática aos clubes, o Governo do Estado valoriza o campeonato e os clubes diretamente. A vitrine facilita, entre outras coisas, a aquisição de patrocínios pelos clubes. E o que não é isso senão investimento nos clubes? É de se lamentar que um jornalista interprete algo tão inconfundível de forma tão embasbacada.
    Para finalizar, o deputado Sergio Frota, assim como em discurso, gostaria de exaltar mais uma vez o empenho do Governo do Estado em zelar pelo esporte maranhense e repetir em 2017 a iniciativa de 2016. E vale ressaltar: garantindo os mesmos valores apesar da crise que afetou todo o país.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo