Logo
  • Rocha quer levar Dino para o lugar de seus novos aliados, a Lava Jato

    Rocha e Lobão: aliados

    Os aliados para os quais o senador Roberto Rocha (PSDB) decidiu voltar, a turma com quem foi criado no Palácio dos Leões, está até o pescoço na Lava Jato.

    Ponto inicial da Lava Jato, Yousseff foi preso em São Luís justamente quando fazia uma visita à cidade para, segundo o próprio, trazer propina garantir pagamentos no então governo Roseana Sarney.

    Edison Lobão, o senador ao qual Rocha também se aliou, é o político mais citado em delações da Lava Jato. Só perde para Aécio – outro novo aliado de Rocha.

    Enlameado por todos os lados de seus novos aliados, Roberto aponta na direção de seu ex-companheiro de chapa, o governador Flávio Dino.

    Quer envolver Dino na Lava Jato, depois de ter tentado envolvê-lo nos problemas de sua rádio.
    Parece ser essa a única saída para um candidato que não conseguiu chegar a 10% em nenhuma das pesquisas divulgadas até agora este ano.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo