Logo
  • Nenhum partido quer Roseana

    Roseana Sarney: à procura de partido e ignorada por todas as legendas

    Além da alta rejeição entre os maranhenses, Roseana Sarney tem pela frente outro grande desafio para tentar retomar o poder no estado: encontrar um partido.

    Nenhuma legenda de expressão quer apoiar a ex-governadora em 2018, só o seu atual partido, o MDB, o mesmo do presidente Michel Temer. O problema é que Roseana não quer subir no mesmo palanque de Temer, presidente (e pré-candidato à reeleição) com o maior índice de rejeição desde a redemocratização brasileira.

    Ventila-se nos bastidores que José Sarney vem tentando articular a ida da sua filha Roseana para outro partido. O PSD, futuro partido de Sarney Filho, estava na mira do oligarca, mas segundo coluna da Revista Época, essa movimentação estaria descartada.

    O DEM não deve ser a saída

    Sarney estaria agora tentando usar sua influência em Brasília para levar Roseana para o DEM, mas até agora tudo indica que o partido fechou com Flávio Dino (PCdoB).

    O partido reelegeu o deputado federal Juscelino Filho – aliado de Dino – como presidente estadual da sigla, e recebeu a filiação de dois homens de confiança do comunista: o secretário estadual de Educação, Felipe Camarão, e o líder do governo na Assembleia Legislativa, Rogério Cafeteira.

    O cenário tá cada vez mais complicado pra Roseana.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo