Logo
  • Deputados elogiam atuação de Rodrigo Lago na Casa Civil

    O secretário de Estado da Transparência, Rodrigo Lago, que ocupou nos últimos meses a Casa Civil do governo Flávio Dino, foi homenageado por deputados estaduais na sessão plenária da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (25). Rogério Cafeteira (DEM) usou a tribuna para fazer uma referência ao trabalho de Lago e teve discurso endossado por vários colegas de parlamento.

    “O secretário Rodrigo Lago desempenhou, de forma brilhante, a função de chefe da Casa Civil, tanto no que tange a questão administrativa quanto no trato com a classe política. É importante que a gente ressalte o trabalho dele frente à Casa Civil durante esse período de afastamento do deputado Marcelo Tavares”, ressaltou Cafeteira, afirmando que esse pensamento tem a anuência dos outros parlamentares.

    O deputado Vinícius Louro (PR) também destacou o trabalho de Lago na Casa Civil, classificando o secretário como atencioso com prefeitos, deputados, “e sou testemunha da atenção, da mão amiga do Governo do Estado do Maranhão quando a gente ia reivindicar as necessidades do povo lá da Região do Médio Mearim”. Para o deputado, o secretário estava sempre pronto para atender a todos.

    Quem também elogiou o trabalho de Lago na Casa Civil foi o deputado Glaubert Cutrim (PDT). De acordo com ele, “em coisas que o Governo talvez, por dificuldade financeira, não teria como resolver, o Rodrigo fez das tripas corações e brigou por muitos deputados aqui para conseguir levar soluções para os municípios do Maranhão”.

    Júnior Verde (PRB) também deu seguimento ao discurso elogioso ao secretário. “O atendimento que ele sempre prestou a nós deputados, a atenção, na verdade, é característico da Casa Civil, de quem realmente estava à frente daquela importante pasta. Até porque o deputado também, que hoje é o Marcelo Tavares, que hoje é deputado, ele sempre também, com muita coerência, com muito zelo, com muito apreço, sabe da importância do deputado e procurou demonstrar isso em cada gesto”, frisou.

    A deputada Valéria Macedo (PDT) disse que também é testemunha de toda a “ética, sua forma de nos atender lá na Casa Civil, sempre da mesma forma e muito educado e sempre tentando viabilizar os nossos pleitos junto aos municípios”.

    Presidindo a sessão plenária, Neto Evangelista (PSDB) também elogiou o papel importante a frente das Secretarias da Casa Civil e da Transparência neste período, “que são duas funções bem distintas e conseguiu exercer com muita maestria”.

    Rodrigo Lago dará lugar ao deputado eleito Marcelo Tavares (PSB), que retorna ao cargo de secretário-chefe da Casa Civil depois de ter se ausentado para concorrer às eleições.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo