Logo
  • Notícias

    Dino: A firmeza do STF e dos governadores na defesa da democracia e a perigosa sonolência do Congresso Nacional

    Ao analisar o papel das instituições de controle diante das ameaças de Bolsonaro ao estado democrático de Direito, o governador Flávio Dino ressaltou, em entrevista à GloboNews, a firmeza com que o Supremo Tribunal Federal protege a democracia no país, o papel dos governadores e a sonolência do Congresso Nacional.  

    Em tom de alerta, ele lembrou que em 64 alguns políticos caíram na ilusão de acreditar que os militares iriam devolver o poder aos civis muito rapidamente e acabaram cassados, presos ou exilados.

    – Muitos morreram no exílio, cito exemplo, entre tantos, de Carlos Lacerda. Foram muitos, até pessoas de boa fé. Então é importante dizer a esse político do chamado Centrão, que ao compactuarem de algum modo, às vezes com silêncio, com Bolsonaro, eles estão se colocando em ameaça, eles estão se colocando em risco – alertou.

    O governador destacou, no entanto, que acredita que um dia o Congresso vai despertar e ver “como tudo isso é perigoso para todos, independente de ser de esquerda e direita”.

    Com esse despertar, que ele acredita que venha a ocorrer, a exemplo da importantíssima CPI da Covid no Senado, vai-se verificar, nesse momento, “que a resistência democrática passa pelo papel dos governadores garantindo que as forças policiais se mantenham nos trilhos da legalidade e pelo Supremo Tribunal Federal, que nesse instante, sem dúvida, é a grande força de proteção dos direitos da população”.

  • Deu no D.O

    • A coluna Deu no D.O. está no ar com os generosos contratos dos nossos divinos gestores públicos. Dos caixões (R$ 214 mil) de Itapecuru-Mirim ao material de limpeza de Coroatá (R$ 2 milhões), ainda figuram Viana, Matões, Porto Rico e São José de Ribamar. 
  • Fale com o Garrone

    (98) 99116-8479 raimundogarrone@uol.com.br
  • Rádio Timbira

    Rádio Timbira Ao Vivo