Blog do Garrone

Sindicato dos Jornalistas: Mirante mente para evitar homologar demissões no MT

Não é preciso a aprovação definitiva da reforma trabalhista para que a família Sarney atente contra os direitos dos trabalhadores.

Comunicado do Sindicato dos Jornalistas do Maranhão revelou mais uma mentira do Sistema Mirante de Comunicação, que culpa a entidade pelo atraso no pagamento dos direitos dos profissionais demitidos ao se negar a fazer as devidas homologações no lugar da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), órgão do Ministério do Trabalho.

O presidente da entidade, o jornalista Douglas Cunha, diz que não sabe qual o temor do Sistema em homologar as demissões no MT, mas que o sindicato se recusa a fazê-las “em virtude do Sistema Mirante não ter concedido sequer o reajuste salarial dos seus empregados jornalistas durante dois anos, usando os mais diversos artifícios para não atender de pronto as reivindicações feitas através do sindicato, assim como não cumprir com outras responsabilidades, visando prejudicar, de forma deliberada seus empregados”.

A desculpa da empresa da famiglia  é que as homologações na SRTE demoram até três meses, o que poderia ser feita de maneira imediata pelo sindicato, cuja a recusa impede que os demitidos recebam seus direitos trabalhistas.

No entanto, a falta de sintonia com a verdade do Sistema foi descoberta pelo representante sindical ao visitar na manhã de quarta-feira a SRTE, e ser informado da celeridade dos processos de homologação, que são agendados em um dia e efetivados no outro.

“Desta forma constatei a vergonhosa mentira do sujeito que cuida das demissões, com o propósito de jogar o trabalhador contra o Sindicato”, lamentou o presidente do sindicato.

                                                         Leia a nota 

O Sistema Mirante, através de seus gestores está pondo em prática um plano para colocar os jornalistas que foram demitidos de suas empresas, contra o Sindicato, pelo fato do órgão classista se recusar em fazer as homologações, que então deverão ser feitas na SRTE.

Os gestores do Sistema Mirante não estão querendo levar as homologações para o órgão representativo do Ministério do Trabalho, por motivos que desconheço e estão dizendo aos demitidos que a homologação na SRTE demora até três meses e que assim seriam prejudicados.

Na manhã desta quarta-feira estive na SRTE e fui informado da celeridade deste processo que é agendado num dia e efetivado no outro. Desta forma constatei a vergonhosa mentira do sujeito que cuida das demissões, com o propósito de jogar o trabalhador contra o Sindicato.

Qualquer pessoa pode ir a SRTE e constatar.

O mais lamentável é que tem trabalhador que está acreditando nas mentiras deste sujeito.

Estamos nos recusando em fazer tais homologações em virtude do Sistema Mirante não ter concedido sequer o reajuste salarial dos seus empregados jornalistas durante dois anos, usando os mais diversos artifícios para não atender de pronto as reivindicações feitas através do sindicato, assim como não cumprir com outras responsabilidades, visando prejudicar, de forma deliberada seus empregados.

Douglas Cunha

  Presidente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *