Blog do Garrone

Receita pede provas ao STF para cobrar impostos sobre propinas recebidas por Sarney e Lobão

Lobão e Sarney estão entre os políticos que viraram alvo da Receita Federal, que pretende recuperar impostos que possivelmente deixaram de ser pagos pelos acusados pela Lava Jato de receber propinas 

O sem mandato José Sarney (PMDB) e o senador Edison Lobão (PMDB) estão entre os políticos que viraram alvos da Receita Federal, que pediu ao Supremo Tribunal Federal provas da Lava Jato para cobrar impostos sobre as propinas e ganhos ocultos dos investigados.

Segundo matéria publicada pelo jornal O Globo, a Receita pediu acesso a 13 inquéritos, sendo 11 da Lava Jato e uma ação cautelar.

Além da dupla maranhense, estão na mira do Leão os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL), Romero Jucá (PMDB-RR), Fernando Collor (PTC-AL), e os deputados Anibal Gomes (PMDB-CE), José Mentor (PT-SP) e Vander Loubet (PT-MS). Há ainda três inquéritos que envolvem vários parlamentares do PP e do PMDB, investigados por formação de quadrilha.

O pedido da Receita foi protocolado no STF dia 31 de março e no dia 17 de abril, o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato, encaminhou e deu 15 dias para que o Ministério Público Federal se manifeste, para então tomar a sua decisão.

A Receita tem pressa em obter os documentos porque, após cinco anos, a legislação não permite cobrar tributos atrasados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *