Blog do Garrone

Plantio e Colheita, artigo de Davi Telles

Davi Telles

Agradeço imensamente ao Governador Flávio Dino a oportunidade de poder contribuir nesse histórico processo de mudança numa missão tão sensível e apaixonante quanto o saneamento.

A CAEMA é algo tão difícil e complexo que seriam necessários intermináveis parágrafos para retratar. No entanto, neste momento em que assumo uma nova missão, é importante fazer um balanço de tudo que plantamos para que os frutos possam ser sistematicamente colhidos.

Fico feliz de poder passar a Presidência da empresa mais importante do Maranhão a um amigo tão competente. O Engenheiro Carlos Rogério dará continuidade ao trabalho e terá a feliz missão de coordenar o processo de conclusão de diversas ações muito importantes, dentre as quais destaco aquelas que estão no calendário de entregas dentro de 1 a 5 semanas:

– Nova Adutora do Italuís;

– Novo Sistema Paciência( que atende COHAB/COHATRAC’s);

– Supressão dos pontos de lançamento de esgoto da Lagoa;

– Novo Sistema de Abastecimento de Água de Tutóia;

– Novo Sistema de Abastecimento de Água de Barra do Corda;

– Sistemas Universalizados em diversas cidades do Mais IDH, notadamente Conceição do Lago Açu, Afonso Cunha, Água Doce e Amapá do MA;

– Sistema de Esgotamento Sanitário da Bacia do Rio Claro (Olho d’Água);

– Sistema de Esgotamento Sanitário do Bairro Bacuri – Imperatriz.

Além dessas, avançamos ou construímos as condições em praticamente todas as áreas, das quais cito:

– iniciamos as obras de sistemas universalizados de 22 cidades do Mais IDH e deixamos 25 no total com licitação concluída;

– iniciamos obras de recuperação de 11 cidades pelo Programa de Recuperação de Sistemas (PRS), que concebemos junto com o Governador Flávio Dino;

– licitamos e deixamos em fase final projetos de outras 30 cidades também pelo PRS;

– viabilizamos a confecção de outros 12 projetos por engenheiros da casa, também pelo PRS;

– relicitamos e iniciamos a histórica obra de despoluição do Rio Calhau;

– saltamos de 4% de esgoto tratado para cerca de 20% em São Luís, notadamente com a entrega da ETE VINHAIS e mais de 100 km de novas redes (e, felizmente, destravamos no Governo Federal muitos recursos para avançarmos substancialmente até dezembro de 2018);

– iniciamos e concluímos a primeira etapa da histórica obra de recuperação do Sistema de Abastecimento de Água de Imperatriz, que soma, no total, 20 milhões em investimentos;

– deixamos concluídas as licitações para a instalação de kits sanitários com banheiros em 18 cidades do Mais IDH e também avançadas as das outras 12 cidades do Plano, sendo 200 kits por cidade;

– instalamos 22 mil hidrômetros e garantimos junto ao Ministério das Cidades o depósito integral em conta da Caixa Econômica Federal de mais R$21 milhões para instalar no total 130 mil micromedidores  na capital;

– formalizamos ata de registro de preços para aquisição de cerca de mais 400 mil hidrômetros para o interior, para que possam ser instalados na medida da disponibilidade financeira;

– chegamos à arrecadação mensal histórica de R$34 MILHÕES em dezembro de 2016 e aumentamos sobremaneira a média;

– reduzimos o déficit financeiro mensal a pouco mais da metade do que era, como resultado da intensa redução de custos que fizemos e do aumento de arrecadação;

– licitamos e deixamos concluído o PROJETO INTEGRAL da necessária obra do REFORÇO DE VAZÃO DO ITALUÍS, no valor de 950 mil reais, obra que deverá ser licitada em breve para, após a entrega da nova adutora neste aniversário de São Luís, ter a possibilidade de dobrar a vazão do nosso grande sistema;

– contratamos e concluímos o PROJETO de troca da rede de distribuição da região central (zona 1) de São Luís, incluindo toda a extensão de cimento amianto, tendo ainda garantido a inclusão do respectivo valor da execução desta obra no aporte de capital do BNDES;

– contratamos consultoria e deixamos pronto projeto para eficientização energética e redução da conta de energia da empresa;

– contratamos consultoria na área de controle operacional e deixamos avançado o projeto de telemetria (demonstração remota) para monitoramento de a)nível de vazão e pressurização de adutoras e subadutoras; b)nível volumétrico de reservatórios e c)vazão de sistemas produtores – tudo isto para São Luís.

– licitamos e contratamos serviço de auditoria da folha e implementamos as soluções apontadas;

– contratamos novo canal de acesso e transmissão de dados (fibra ótica), multiplicando por mais de 50 a capacidade do anterior;

– construímos com pessoal próprio novo Sistema Integrado de TI;

– contratamos mais de 230 novos funcionários por concurso, sendo mais de 10 novos engenheiros, profissionais que não eram admitidos por concurso há muitos anos;

– elaboramos Planejamento Estratégico com mais de 90 vetores (divididos entre as 5 Diretorias e dialogamos sobre eles com praticamente todos os mais 2.300 funcionários da Companhia, pessoalmente, em todas as 14 gerências regionais);

– criamos o Sistema Estadual de Informações em Saneamento – SEIS com os funcionários do setor de informática, o primeiro do tipo no país que irá compilar todas as informações sobre os índices estaduais, entre outras muitas ações.

O futuro da CAEMA, como sempre tenho dito, é reluzente. Ao todo, entre ações realizadas, em execução e outras prontas para iniciar, são mais de 140 cidades, isto é, um número de municípios maior do que a nossa quantidade de concessões no estado.

É chegada então a hora de colher os frutos desse trabalho. Os programas Água Para Todos e o Mais Saneamento. O primeiro para contrapor o pior índice de abastecimento domiciliar de água tratada do Brasil. O segundo, para recuperar corpos hídricos e garantir saúde preventiva a dezenas de milhares de maranhenses.

Agora, temos um novo e grande desafio. Suceder duas gestões muito exitosas na Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação a partir das diretrizes ousadas e históricas traçadas pelo Governador Flávio Dino para o setor.

Antes de tudo, continuar expandindo, com a valiosa parceria do amigo

Jhonatan Almada, a rede de IEMA’s no estado. E, para além disso, dar seguimento e ampliar programas muito bem sucedidos, como Cidadão do Mundo, Aulões do ENEM, PreUni do ITA, Luminar Caravana da Ciência, MARANET, entre outros.

Em qualquer posição que se jogue nesse time virorioso, é sempre uma honra e um prazer participar desse histórico processo de mudança que conduz à vitória do povo do Maranhão.

Nosso compromisso será sempre o de plantar e regar as melhores sementes para que todos possamos colher juntos os bons frutos da mudança.

Davi Telles

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *