Blog do Garrone

Maioria da bancada maranhense mantém aberto o mercado e alimenta a esperança de Temer

Rubens Júnior , Zé Carlos da Caixa…

Deoclides Macedo, Weverton Rocha e Eliziane Gama já declararam votos pela aceitação da denúncia contra Temer

Os deputados federais Cleber Verde (PRB), Hildo Rocha (PMDB) e Junior Marreca (PEN) já avisaram que vão se manter fiéis a Michel Temer e votarão contra a acusação da Procuradoria Geral da República, caso ela passe pela Comissão de Constituição e Justiça e vá a plenário; onde para ser aceita, o que afasta por 180 dias o presidente do cargo, necessita que 342 dos 513 deputados votem a favor da denúncia.

Em linha contrária e certos da culpa do mandatário do Planalto nos crimes de corrupção passiva apontados pela PGR, os deputados Deoclides Macedo (PDT), Eliziane Gama (PPS), Rubens Pereira Júnior (PCdoB), Weverton Rocha (PDT) e Zé Carlos da Caixa (PT) já bateram o martelo pelo afastamento de Temer.

Os outros dez representantes da bancada maranhense na Câmara não revelaram seus votos ou se dizem indecisos, seja por dúvida verdadeira ou para se manter no mercado à espera de uma emenda compensatória por apoiar a continuação do atual governo e piore o soneto que atormenta a sociedade brasileira.

Hildo Rocha, Júnior Marreca e Cleber Verde: trio parada dura na defesa de Temer

A Procuradoria Geral da República acusa o presidente de ser o destinatário de uma mala de R$ 500 mil reais, como parte de propina paga pela JBS para o favorecimento da empresa no Conselho Administrativo de Defesa Econômica com a redução no preço do gás fornecido pela Petrobras a uma termelétrica do grupo comandado por Joesley Batista.

Temer se diz vítima de “ataques injuriosos, indignos e infames”, e que a denúncia da PGR não passa de ilações do procurador Rodrigo Janot, que busca tão somente a “revanche, a destruição e a vingança” contra o seu governo.

Acredita quem quiser ou quem tenha bons motivos e a carne fraca!

Veja o placar da bancada maranhense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *