Blog do Garrone

Líder do Governo rebate acusações de candidato derrotado em São Luís

O líder do governo, Rogério Cafeteira, enquadrou o deputado e candidato derrotado, Eduardo Braide

O líder do governo, Rogério Cafeteira, enquadrou o deputado e candidato derrotado, Eduardo Braide que fez acusações levianas contra Flávio Dino e Edivaldo Holanda

Mesmo achando que não teria resposta imediata, por não ter permitido apartes a nenhum deputado durante o seu discurso, o deputado Eduardo Braide, que foi derrotado no último domingo na eleição a prefeito de São Luís, recebeu uma resposta à altura por parte do líder do governo, o deputado Rogério Cafeteira. Braide acusou o governador Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Holanda Jr de usarem a máquina pública para beneficiar a reeleição do atual prefeito.

Durante a defesa, feita de maneira bastante coerente, Cafeteira desmentiu as acusações levianas de Braide, ressaltando as posturas corretas do governador e do prefeito de São Luís. O parlamentar disse que não vai aceitar que sejam feitas acusações a pessoas de bem como eles e que continuará fazendo as defesas por convicção. De acordo com o deputado, caso tivesse alguma reclamação, o candidato derrotado deveria fazê-la formalmente à Justiça e o desafiou a provar alguma denúncia. 

“Fica aqui a minha indignação com a acusação do deputado Eduardo Braide de que o governador Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Holanda tivessem usado máquinas públicas. Esta é uma acusação leviana. Eu aqui desafio o deputado a provar que a máquina foi utilizada. A Justiça Eleitoral está aí de portas abertas, se houveram essas irregularidades, que ele conteste na Justiça com uma ação e comprove”, contestou Cafeteira.

O deputado aproveitou para avisar que estará disposto ao debate e a fiscalização de municípios do Maranhão inteiro, enquanto for deputado. “Mas o tom do debate será dado não por mim, mas por quem acusou o governador de colocar a máquina do Estado a favor de algum candidato. Estou pronto para o debate. Aqui você não vai ter dois anos, onde você não responde nada e só ataca”, disse.

Rogério Cafeteira fez uma rápida reflexão e disse que se tivessem “máquinas” trabalhando para o governo, não existiria uma enorme quantidade de prefeitos que não foram reeleitos. O parlamentar afirmou que as parcerias institucionais pelo bem da população não podem ser criticadas.

HUMILDADE

Cafeteira cobrou humildade do colega que perdeu nas urnas, também em relação à postura quando recebe críticas da imprensa – que foi duramente atacada durante discurso de Braide, que se disse perseguido por blogueiros e jornalistas, durante a campanha eleitoral.

“Temos que ter humildade de receber a crítica daqueles que estão ali (no Comitê de Imprensa), de blogueiros e de jornalistas. Nós somos pessoas públicas e por isso temos que responder por nossa história de vida. A nossa história de vida não começou hoje e se você quer ocupar um cargo público você tem obrigação de dar esclarecimento sobre sua história, essa é a verdade. O que não podemos nunca aceitar é que tentem calar a imprensa”, destacou.

Um comentário sobre “Líder do Governo rebate acusações de candidato derrotado em São Luís

  1. Daniel

    Aula de liberdade logo de quem? De um deputado? hahahahaha. Quem é esse tal de Rogério Cafeteira no jogo dos bichos?
    Foi nítido e cristalino o uso da maquina do governo do Estado, bem como da Prefeitura na eleição do Edivaldo.
    O que a imprensa(daqui de São Luís) fez contra esse Braide foi uma das maiores covardias que eu vi em todos os tempos. Agiu de modo covarde, parcial e inescrupuloso, atendendo aos interesses do prefeito e candidato Edivaldo Holanda Júnior. Também pudera, como toda certeza devem ter recebido “algum” para denegrir a imagem do outro candidato.
    Chego a esse conclusão porque em outro blog que “correm por fora para o comando da Secom, longe da briga dos partidos, os jornalistas Jorge Vieira e Marcelo Minard”.
    É uma vergonha e nojento todos esses blogueiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *