Blog do Garrone

Enquanto população protesta, ex-governadores do MA ostentam robustas aposentadorias vitalícias

Sarney, Roseana e Lobão estão entre os ex-governadores beneficiados com aposentadorias

Enquanto todo o Brasil parou nesta sexta-feira (28) em adesão à Greve Geral dos trabalhadores contra as reformas trabalhistas e da Previdência propostas pelo governo Michel Temer (PMDB), ex-governadores do Maranhão, apoiadores das medidas anunciadas, recebem pensões e aposentadorias de dar inveja ao cidadão maranhense comum, que terá mais de 100 direitos trabalhistas abolidos caso as reformas entrem em vigor.

O ex-senador José Sarney, sua filha Roseana Sarney (PMDB), e os senadores João Alberto (PMDB) e Edison Lobão (PMDB), que defendem no Maranhão o governo Temer e suas reformas, recebem vultosas pensões vitalícias por terem sido governadores do Estado. Cada um deles goza de pensão vitalícia que gira em torno de R$ 30 mil por mês.

Em alguns casos, as mamatas com aposentadorias são ainda maiores. A ex-governadora Roseana Sarney, por exemplo, soma a esse valor mais R$ 23,8 mil por ser aposentada pelo Senado Federal desde 2013.

Já Edison Lobão e João Alberto, que ainda possuem mandato, acumulam – somadas às aposentadorias – rendimento mensal bruto no valor de R$ 64.234,11.

Aposentadoria tripla para Sarney

O caso mais gritante é do oligarca José Sarney, que recebe uma aposentadoria tripla. Ele o político maranhense que mais recebe com pensões. Além dos mais de R$ 30 mil mensais por ter sido governador na década de 1960, Sarney recebe R$ 29.036,18 mensais de aposentadoria como senador, e mais R$ 14.278,69 como servidor aposentado da Justiça maranhense. Os valores somados garantem um total mensal de R$ 73 mil em aposentadorias ao patriarca do clã Sarney.

Sarney foi condenado pela Justiça Federal a devolver o que recebeu acima do teto permitido por lei desde 2005, cerca de 4 milhões. Enquanto recorre da decisão Sarney continua ganhando a tripla aposentadoria.

No entanto, uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) desta quinta-feira (27), permitindo salário acima do teto em caso de acúmulo de cargos, pode abrir um precedente para Sarney e o recebimento abusivo de aposentadorias. A aposentadoria de Sarney é a maior concedida a um ex-senador da República.

É justo que esses ex-governadores continuem recebendo essas gordas aposentadorias enquanto o governo Temer tenta aprovar reformas que reduzem benefícios dos trabalhadores, alegando rombo na Previdência? Fica o questionamento.

3 comentários sobre “Enquanto população protesta, ex-governadores do MA ostentam robustas aposentadorias vitalícias

  1. Augusto Ribeiro

    Em um País onde FHC chamou quem se aposenta cedo, ele foi um desses, de vagabundos; Michel Temer se aposentou como Procurador aos 53 anos e a quadrilha dos Sarney’s ainda não foi presa em ainda extorque os cofres públicos com polposas aposentadorias; e que os barnabés não podem acumular aposentadorias; pode-se TUDO, até fechar BR para causar transtornos à população em nome de reivindicações. Querem reivindicar da forma correta ?? Não vendam seus votos e façam uma reforma política dando um basta aos políticos profissionais que nunca trabalharam, sendo apenas políticos. Alguém sabe dizer qual é a profissão de Sarney Filho, ou em qual faculdade se formou Roseana, ou em que e se se formou ???

  2. Macabeu

    Só cadeia pra esses bandidos, se ficatem preso ainda vão receber tmb. Aposentadoria da cadeia pelo tempo que ficarem preso.
    Pra onde esses ladrões correrem tem dinheiro no meio. Quando D. LUCRÉCIA levar Sarney vai ser uma festa de arromba no inferno, Sarney chegando vai logo fazer campamha para as eleições do inferno, já ganhou, vai ser presidente do inferno, vai rpubar lá na puta que o pariu..

  3. Júlio França

    Porque o governo da mudança nao extingue, a partir de hoje, a aposentadoria para quem ocupa o cargo de governos por apenas 06 meses!!! Com a palavra o nobre jornalista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *