Blog do Garrone

Deu no D.O.

DEUNODOFaz tudo – Em Buriticupu a Prefeitura tem dois contratos com a S. A. S Barbosa – EPP, assinados em 11 de março, que somam R$ 2.821.537,13. Um deles, para manutenção de poços artesianos, saiu por R$ 561.070,13; e outro, para locação de veículos de transporte escolar, foi mais caro e custou R$ 2.260.467,00. Os documentos valem até 31 de dezembro.

Limpão – Chegou aos R$ 2.753.407,80 o contrato fechado entre a Prefeitura de Governador Nunes Freire e a empresa R. F. de Abreu Pereira – EPP para aquisição de produtos de limpeza. A limpeza está valendo desde 4 de fevereiro até 31 de dezembro.

Limpão 2 – A Prefeitura de Santa Rita também vai ficar na maior limpeza. Fechou com a empresa Engenew Empreedimentos e Construções Ltda. contrato para serviços de limpeza pública no valor de R$ 1.300.000,00. O negócio é válido por 10 meses, a contar da data de assinatura, em 4 de março.

Pra rodar – Em São João do Paraíso rolou a festa dos contratos de locação de veículos, formalizados desde 8 de abril e válidos até 30 de dezembro. São nove ao todo, divididos entre duas empresas, que chegam a R$ 1.993.810,00. A C S Controle e Serviços Ltda. – ME ficou com seis deles, que somam R$ 779.650,00, enquanto a A J Construções e Locações levou os outros três, que representam a maior parte do bolo e juntos valem R$ 1.214.160,00.

Pra rodar 2 – Quem também tem contrato para locação de veículos é a Prefeitura de Nova Colinas. Saiu por R$ 1.127.280,00 o pacote de quatro contratos firmados com a empresa M N Empreendimentos Ltda. – ME em 4 de fevereiro para ser honrado até o último dia do ano.

Magazine – A Prefeitura de Humberto de Campos fechou um pacote de quatro contratos no valor total de R$ 1.491.414,50 com a C A Maia Soares para comprar de um tudo! A água mineral saiu por R$ 450.000,00! Os suprimentos de informática foram mais baratos: R$ 184.744,00. Mais caro que a água foi o tal material de consumo, que saiu por módicos R$ 856.670,50. A papelada foi quase toda assinada em 8 de março, menos o de suprimentos, assinado em 26 de fevereiro. Mas tudo segue valendo até 31 de dezembro.

Merenda – Em Presidente Sarney tem merenda escolar garantida até 31 de dezembro. Isso se for cumprido à risca o contrato que a Prefeitura assinou com a  empresa Luiz de Jesus Gomes Ribeiro Neto – ME desde o dia 15 de abril. Pelo negócio a empresa deve receber R$ 1.273.011,60.

Resolvido – O material de expediente da Prefeitura de Grajaú está sendo fornecido pela empresa Cleres Cley Almeida Nascimento desde 31 de março. De acordo com o contrato assinado com a administração municipal, a empresa deve receber um total de R$ 985.462,00 para fornecer os produtos durante os nove meses de vigência do contrato, que se encerra no final de dezembro.

Pit stop – A Prefeitura de Buriti Bravo fechou com a Santa Rosa Peças e Serviços Ltda – Parnarama Auto Peças contrato para compra de peças e acessórios para veículos e máquinas pesadas no valor de R$ 745.660,77. A papelada foi assinada em 11 de abril e vale até 31 de dezembro de 2016.

Informatiza – A Prefeitura de Santa Helena fechou quatro contratos no mesmo dia e com a mesma empresa, a J.A.T.F. Jansen de Araújo – ME, para compra de equipamentos, materiais e insumos de informática. O negócio, formalizado em 5 de abril, saiu por R$ 484.969,40 e vale até o último dia do ano.

Pela hora da morte – Para a compra de urnas e indumentárias fúnebres a Prefeitura de Bom Jardim fechou contrato com a empresa Rosyvane Silva Leite – ME (Funerária São João) no valor de R$ 191.500,00. O documento vale da data de assinatura, 5 de abril até 31 de dezembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *