Blog do Garrone

Assim como Al Capone, Roseana escapa por falta de provas, mas pode cair por crime fiscal

Paulo Roberto Costa, Lobão e Roseana: relações perigosas

Paulo Roberto Costa, Lobão e Roseana: relações perigosas e amizade à toda prova

Roseana não foi inocentada, ela se livrou da acusação de ter recebido R$ 2 milhões em propina feita em delação premiada pelo diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, à Operação Lava-Jato.

Rodrigo Janot: "Nesta fase procedimental, não se está a fazer qualquer juízo insuperável acerca do cometimento ou não de delitos criminais. O que se impõe assentar é que, diante do que há de concreto nos autos até o presente momento, não haveria sustentação para a continuidade da investigação"

Rodrigo Janot: “Nesta fase procedimental, não se está a fazer qualquer juízo insuperável acerca do cometimento ou não de delitos criminais. O que se impõe assentar é que, diante do que há de concreto nos autos até o presente momento, não haveria sustentação para a continuidade da investigação”

O próprio procurador-geral da República, Rodrigo Janot, fez questão de ressaltar no pedido de arquivamento do inquérito contra a ex-governadora enviado ao STF, que a sua decisão não significa “qualquer juízo insuperável acerca do acometimento ou não de delitos criminais”.

Segundo Janot não foram encontradas provas que corroborassem a delação de Costa, e que “diante do que há de concreto nos autos até o presente momento, não haveria sustentação para a continuidade das investigações”.

O inquérito foi aberto em março de 2015 e apurava a delação do ex-diretor da Petrobras, de que Roseana Sarney teria recebido esse dinheiro, através de um pedido do ex-ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, para financiar a sua campanha ao governo do Maranhão em 2010.

Ambos respondiam por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Embora as investigações da PGR não tenham encontrado provas, e apenas a delação de Paulo Roberto Costa, conforme Janot, “não se mostra suficiente para comprovar a prática de delitos criminais por parte das pessoas referenciadas pelo colaborador”, não se pode afirmar que a denúncia seja mentirosa.

Qual a necessidade do ex-diretor da petrolífera caluniar Roseana, diante da sua insignificância na política nacional ?

Se fosse para se proteger não seria melhor citar o próprio Sarney ?

Mas assim como Al Capone, considerado o maior gângster dos EUA, se livrou por falta de provas das acusações de assassinatos e acabou preso por sonegação fiscal, Roseana também pode acabar na cadeia por desviar, segundo denúncia do Ministério Público do Maranhão, recursos advindos do pagamento de impostos!

Um comentário sobre “Assim como Al Capone, Roseana escapa por falta de provas, mas pode cair por crime fiscal

  1. MACABEU

    Vamos esperar o resultado dos outros inquéritos, como; a propina da Constran que João Abreu recebeu, e no qual foi preso, o golpe da siderúgica, petrolão, Estrada Paulo Ramos Arame, Fábrica de confecção de Rosário e da máfia da Sefaz. Passando no teste, é a vez do Papa Francisco mandar canônizar Roseana Sarney, ai teremos a Santa do Maranhão. Quanto a Lobão, quando for cassado e preso, vai ficar com o título de ex-ladrão e ex-senador corrupto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *